Dicas Envidraçamento de Sacada Produtos Sistema Vão Livre Vidros

Quais itens podem ser padronizados no envidraçamento de sacada?

Depois de muito refletir, você decidiu por envidraçar a sua sacada. Mas, e então, o que fazer agora? Antes de adquirir o envidraçamento e transformar esse espaço numa área de utilização diferente, como uma sala de trabalho ou um espaço gourmet, é necessário conferir o modelo de padronização votado e aprovado em assembleia pelo seu condomínio. Seu condomínio é novo e ainda não tem uma padronização? Como você vai saber se a estrutura do seu edifício suporta o peso adicional do envidraçamento?

Fácil, procure seu síndico ou o conselho diretivo, é preciso realizar um estudo técnico das condições estruturais do prédio e também definir os aspectos estéticos que não prejudicarão a harmonia da fachada. Hoje, muitas empresas reconhecidas no mercado fazem esse serviço. O ideal é escolher uma que já esteja com sua trajetória solidificada e que tenha reconhecimento no mercado pelo seu trabalho e por suas ações em prol do setor.

Após escolhida a empresa, teremos a assembleia. É a hora para o esclarecimento de dúvidas técnicas e para a aprovação desse padrão. Seja participativo nesse momento! Nela, um profissional ajudará o condomínio a definir alguns dos aspectos técnicos e estéticos do envidraçamento como, por exemplo: onde o sistema será fixado, a quantidade de folhas, a cor do alumínio e a espessura, cor e tipo do vidro que será utilizado. Veja abaixo alguns pontos que podem ser decididos, sobre esses itens, no momento da assembleia.

ONDE FIXAR O ENVIDRAÇAMENTO?
Um dos pontos principais para o debate é a definição da fixação do envidraçamento. Geralmente, ela pode ser de duas maneiras: de alvenaria a alvenaria ou sobre o guarda corpo. Porém, não dependa de elementos terceiros, como o próprio guarda corpo, para fixar o envidraçamento. Eles não foram projetados para suportar esse peso. Opte pela fixação de alvenaria a alvenaria, é a forma mais segura!

QUAL A COR DO ALUMÍNIO?
Outro ponto a ser discutido na assembleia é sobre a cor do alumínio do envidraçamento de sacada. Este é um aspecto puramente estético e, para isentar a responsabilidade do síndico ou do próprio administrador, ele deverá ser acordado por votação pelos condôminos.

QUAL O NÚMERO DE FOLHAS?
Na assembleia, a quantidade de folhas do sistema também deverá ser definida. Essa informação é necessária tanto para a parte técnica quanto para a estética. Primeiramente, ela é definida para que o envidraçamento não fique ou estreito demais, a ponto de perder a resistência do vidro, ou largo demais, a ponto de atrapalhar o espaço interno da varanda no momento de abertura do envidraçamento. A definição da quantidade de aberturas e do sentido delas também deverá entrar em pauta nessa assembleia. Pelo viés estético, é importante padronizar a quantidade de folhas para que todos os apartamentos tenham o mesmo envidraçamento, mantendo a harmonia da fachada.

QUAL O VIDRO UTILIZAR?
Por último, também será definido, no padrão de envidraçamento, algumas especificidades do vidro que irá compor o sistema, como seu tipo, espessura e cor. As duas primeiras definições estão muito relacionadas às questões técnicas, enquanto que a cor é uma demarcação estética.

O vidro laminado quando quebrado.

O vidro temperado quando quebrado.

Os tipos de vidro mais encontrados no mercado são o temperado e o laminado, cada um com suas qualidades. Aqui no blog, já apresentamos algumas das diferenças deles, confira. A espessura ideal do vidro estará relacionada à altura que terá a folha do sistema, por isso a importância desse estudo técnico. Já no quesito coloração, os edifícios geralmente optam por utilizar os vidros incolores. Isso ocorre porque, como nem todos os apartamentos adquirem o envidraçamento ao mesmo tempo, os vidros incolores ajudam a diminuir a diferença existente entre quem envidraçou e quem não, minimizando o impacto sobre a fachada.

Lembre-se, é fundamental que todos os apartamentos tenham o mesmo padrão de fechamento, para que não aconteça a quebra da harmonia do visual externo do seu prédio. Por isso, caso o seu condomínio seja novo e ainda não tenha realizado essa definição, converse com seu síndico para confiar à Casa Mansur a elaboração desse padrão. E caso o seu prédio já possua um modelo votado e aprovado em assembleia, teremos o prazer em realizar a obra da sua residência. Faça um orçamento conosco, esperamos o seu contato.

Achamos que você pode gostar...

Sem comentários

    Responda